Suporte do Ca(rra)peta

Esse espaço é reservado para você postar as fotos do seu cantinho, onde você faz suas artes, guarda as ferramentas, suas bancadas, prateleiras, ferramentas.... enfim a sua xiloficina.
Avatar do usuário
jedi.wood
Mensagens: 1092
Registrado em: 25 Jul 2014 13:27
Localização: Canoas City - RS

Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor jedi.wood » 15 Abr 2015 09:30

Conforme ameaçado no tópico do Maço, segue pequeno "tutorial" abordando a confecção de um suporte para formões. :sad-bored:

Após a demanda ser aprovada pela "Tiretoria", foi efetuada a busca e apreensão em alguns restinhos de pinus; desta vez, surpreendentemente sem cimento:

Imagem

Depois de efetuar a baixa no estoque, o material visitou a plaina/desengrosso com o objetivo de fazer a barba (que já era rala); em seguida foi ripado na serra de bancada acabando por virar três réguas com 3, 6 e 9 cm de largura cada uma por cerca de 65cm de comprimento; assim que ripadas foram devidamente boleadas - onde necessário - na tupia.

Como de costume, a fase de descobertas - sem qualquer compromisso com técnicas elegantes - permitiu testar a famosa técnica de cavilhar utilizando reparos para torneiras. :text-woo:
Para quem não conhec(e)ia o procedimento, basta adquirir os reparos com corpo em metal ou encontrá-los em seu depósito de tranqueiras. Só não vale subtraí-los das torneiras da sogra durante alguma visita de final de semana. :laughing-lmao:

Deixando de lado esta figura tão amada por todos nós :angelic-halofell: ... tendo o reparo em mãos é chegada a hora de remover o vedante (o anel, a borrachinha,...) conhecida nas melhores e piores casas do ramo como courinho da carrapeta ... Com a carrapeta em mãos, basta "afiar" a ponta mais curta utilizando uma lixa de unhas, uma lima ou até mesmo a sola do pé; no entanto, como a energia elétrica está baratíssima aqui no RS :liar: acabei arrumando trabalho para o moto-esmeril.

Até tenho um cavilhador basicão da Wolfcraft comprado nasZoropa mas preferi negociar com as carrapetas, afinal marcenêro bagual é ôtra côsa. Imagem

Preparado o terreno, agora vem a parte mais fácil que é marcar dois furos em cada extremidade da régua externa do suporte.

:text-worthless: ? Vamos lá:


Na imagem abaixo, a partir da marcação foi efetuado um furo (com o mesmo diâmetro da haste do reparo) em cada extremidade da peça possibilitando inserir os ditos:


Imagem


Em seguida, levei a peça já preparada para uma das bancadinhas chinesas adquiridas por cerca de 60 e poucos pilas no Makro. Aliás, encontrá-las em promoção no referido estabelecimento deve ser mais difícil do que acertar a Mega-Sena acumulada. Eu gosto muito destas bancadinhas ! Principalmente porque ainda não fiz a bancada oficial e sequer instalei a caixa de torção em um antigo balcão de pia (futura bancada auxiliar) que aparece logo em seguida em uma das fotos.

Enfim, com as peças alinhadas e apoiadas no tampo, foi aplicado um pequeno aperto através da "morsa" fazendo com que as pontas afiadas dos reparos (instalados na régua à esquerda) marquem a régua da direita. Simples, seguro e quase que à prova de erros.

Imagem


Outra visada. Na imagem abaixo é possível constatar a (falta de) densidade do pinus, nada que uma lixada posterior não resolva:


Imagem


Mais uma. Nesta dá para notar a pequena marca, discreta porém suficiente:


Imagem


O próximo passo é repetir o processo fazendo com que mais dois furos sejam equacionados nas peças de tal forma que seja possível ter duas cavilhas em cada extremidade, isto é, anteriormente preparamos uma marcação em cada extremidade, agora faremos mais uma em cada. Após efetuar as duas novas marcações - utilizando os reparos - será possível disparar os quatro furos finais, cujo diâmetro será o mesmo das cavilhas. :teasing-blah:

Cavilhas espetadas:


Imagem


Mais uma foto:


Imagem


Aqui a pré-montagem do primeiro conjunto:


Imagem


Abaixo, é possível constatar o aspecto final. A régua que está servindo de base (de ~9cm) será aparafusada na parede e receberá a peça que está no meio (de ~6cm), depois disso bastará inserir o componente frontal (a régua de ~3cm).


Imagem


Estrutura já aparafusada na parede e cavilhas devidamente coladas. Foto do resultado final, o acabamento será o mesmo "Verniz Extra Marítimo Base D'Água Acetinado Transparente" (ufa !) aplicado no resto do madeiramento.


Imagem


Como foi divertido, tudo de novo ...

Imagem

... porém um pouco diferente. As artistas coadjuvantes da marcenaria, nem por isso menos importantes:

Imagem


Como sempre, grato pela paciência em ler tanto para tão pouco.



TAGS: suporte, formões, pendurador, painel, ferramentas
Editado pela última vez por jedi.wood em 16 Abr 2015 12:23, em um total de 5 vezes.
Existem dois tipos de pessoas, as que reclamam e as que buscam soluções. As que reclamam choram, as que buscam soluções vendem lenços. :chores-chopwood:
Avatar do usuário
Rmon
Mensagens: 1169
Registrado em: 21 Jun 2011 09:13
Localização: Valinhos-SP
Contato:

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor Rmon » 15 Abr 2015 10:25

Primeiro que não é verdade "ler tanto para tão pouco"
A técnica da "carrapeta" para cavilhar ,eu não tinha a minima idéia e achei sensacional.
E os suportes ficaram excelentes, parabens!!
ET. Na minha juventude,que faz muito tempo, carrapeta era um salto de sapato usado pelos jovens da época com uns 10 cm de altura, e era bem feio...eheheeh
abraço
Rmon.
Avatar do usuário
schneider
Mensagens: 1538
Registrado em: 21 Jun 2011 13:36
Localização: Cruzeiro do Sul(RS)

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor schneider » 15 Abr 2015 15:41

Gostei do texto do modo de preparar da sua receita.
E os suportes resultantes ficaram muito bons.
Minhas tranqueiras estão inda penduradas na única coisa que me acompanha nas mudanças de oficina: uma porta semi-oca com preguinhos.

Abraço
Avatar do usuário
Alemão
Mensagens: 757
Registrado em: 30 Set 2012 22:08
Localização: Florianópolis SC ( sul da ilha, Tapera, proximo ao portão sul da base aérea ).
Contato:

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor Alemão » 15 Abr 2015 19:42

show Jedi, essa solução das carrapetas foi muito boa parabéns.
Rmon, essa do saltinho carrapeta é coisa das antigas, acho que sou bem mais jovem que isso, não é do meu tempo :laughing-rolling: :laughing-rolling: :laughing-rolling:
Avatar do usuário
paulobro
Mensagens: 3418
Registrado em: 13 Jun 2011 05:27
Localização: Porto Alegre / RS
Contato:

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor paulobro » 15 Abr 2015 20:30

Como o Madeira! tambem e' cultura :roll: , consultei o Pai dos Burros e descobri que carapeta e' o nome dado `aqueles pioes que se joga com os dedos, sem barbante, como o da foto abaixo:

Imagem
Avatar do usuário
fguido
Mensagens: 3712
Registrado em: 12 Jun 2011 19:56
Localização: Rio das Ostras - Rio de Janeiro
Contato:

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor fguido » 16 Abr 2015 00:10

Ein Rmon aqueles sapatos eram chamados "cavalo de aço", ou será que sou mais antigo que vc?

Agora diga-se de passagem, carrapeta para cavilha, essa idéia foi do piru.
Parabéns.

Ainda em tempo, estou achando essa oficina muito limpinha pro meu gosto, tá faltando poeira.

Abraços.
Nada no mundo é mais perigoso que a ignorância sincera e a estupidez consciente
Martin Luther King Jr
Quer outra frase legal? - "... uma das coisas mais perigosas do mundo é um ignorante com inciativa....Mário Sérgio Cortella
Avatar do usuário
jedi.wood
Mensagens: 1092
Registrado em: 25 Jul 2014 13:27
Localização: Canoas City - RS

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor jedi.wood » 16 Abr 2015 08:53

Rmon escreveu:Primeiro que não é verdade "ler tanto para tão pouco"


Bondade sua, porém o fato é que acabei enxugando o texto. Se não tomar cuidado acabo escrevendo uma tese só prá mostrar 3 tabuinhas e alguns furos. :whistle:

Rmon escreveu:(...) carrapeta era um salto de sapato usado pelos jovens da época com uns 10 cm de altura, e era bem feio...eheheeh (...)


Quando li sua referência aos saltos de sapato, lembrei imediatamente da jovem guarda e de um grupo "relativamente" famoso. Também não cozinho na primeira fervura, olha só:

http://en.m.wikipedia.org/wiki/Beatle_boot


schneider escreveu:Gostei do texto do modo de preparar da sua receita.
E os suportes resultantes ficaram muito bons.
Minhas tranqueiras estão inda penduradas na única coisa que me acompanha nas mudanças de oficina: uma porta semi-oca com preguinhos.

Abraço


Valeu o incentivo Schneider ! Inicialmente pensei em transformar algumas chapas de um antigo guarda-roupas em painel, no entanto era necessário contornar a amarração do telhado. :think: Como os restinhos das ripas do assoalho (utilizadas para as divisórias/paredes) estavam ali dando sopa ... 30º prá lá, 30º prá cá e tá feito um suporte estiloso, e o melhor, apenas com sobras. :grin:

Alemão escreveu:show Jedi, essa solução das carrapetas foi muito boa parabéns.


Brigadú ! Contudo não foi eu quem inventou, devo ter visto em alguma revista gringa. Aliás já tô vesgo de tanto anotar páginas e projetos favoritos, tem muita coisa legal. :animals-chickencatch:

paulobro escreveu:Como o Madeira! tambem e' cultura :roll: , consultei o Pai dos Burros e descobri que carapeta e' o nome dado `aqueles pioes que se joga com os dedos, sem barbante (...)


Já dizia o ditado: "Quem não tem pião, joga com carrapeta." hehe

Eu ganhei uma de presente do meu avô quando era piá. :teasing-binkybaby: Joguinho legal, fica a ideia para alguém que tenha um torno bem pequeninho:

http://brito-semedo.blogs.sapo.cv/rapa-tira-deixa-e-poe-483702


fguido escreveu:Ein Rmon aqueles sapatos eram chamados "cavalo de aço", ou será que sou mais antigo que vc?


Não sei se vocês são jovens há mais tempo do que eu, mas lembro que "Cavalo de Aço" era uma novela da Lede Grobo. Ainda não tinha nascido, mas devo ter lido em alguma revista "Amiga" - daquelas decenárias que ficam em consultórios médicos. :laughing-rolling:

fguido escreveu:Agora diga-se de passagem, carrapeta para cavilha, essa idéia foi do piru.
Parabéns.


Foi mesmo, mas eu só inventei o tópico. A ideia já estava pairando na área. hehe


fguido escreveu:(...) estou achando essa oficina muito limpinha pro meu gosto, tá faltando poeira.


Das ferramentas manuais da oficina, tenho maior afinidade com as varrouras e a pazinha de lixo. Imagem

Certamente não me importo em levantar poeira, pelo contrário, até gosto de varrer e dar uma geral nas máquinas.

Um canalzinho com a tupia:

Imagem

Meu amigo balde (foto ilustrativa porque a serragem da foto anterior era cedrinho e o balde está com pinus hehe):

Imagem

Se tiver cimento envolvido vou para o anexo que fica atrás daquela cortina de bambu que aparece na foto do carrinho:

Imagem

Obviamente, depois deixo tudo bem limpinho. Imagem
Editado pela última vez por jedi.wood em 16 Abr 2015 12:03, em um total de 1 vez.
Existem dois tipos de pessoas, as que reclamam e as que buscam soluções. As que reclamam choram, as que buscam soluções vendem lenços. :chores-chopwood:
Avatar do usuário
JWilberger
Mensagens: 148
Registrado em: 29 Jul 2014 18:59
Localização: São José do Rio Preto/SP

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor JWilberger » 16 Abr 2015 11:14

fguido escreveu: Ainda em tempo, estou achando essa oficina muito limpinha pro meu gosto, tá faltando poeira.


Pronto

Tu deu o dedo agora ele vai pegar o teu braço inteiro

Guido, era isso que ele estava esperando pra ficar dizendo que é um sujeito "limpo e organizado"

:laughing-rolling: :laughing-rolling:
Cada um tem o seu cada um - tirozóio do meu......
Avatar do usuário
jedi.wood
Mensagens: 1092
Registrado em: 25 Jul 2014 13:27
Localização: Canoas City - RS

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor jedi.wood » 16 Abr 2015 11:32

Pessoal, daqui a pouco volto.




Fui comprar Álcool Gel. Imagem :laughing-rolling:
Existem dois tipos de pessoas, as que reclamam e as que buscam soluções. As que reclamam choram, as que buscam soluções vendem lenços. :chores-chopwood:
Avatar do usuário
fguido
Mensagens: 3712
Registrado em: 12 Jun 2011 19:56
Localização: Rio das Ostras - Rio de Janeiro
Contato:

Re: Suporte do Ca(rra)peta

Mensagempor fguido » 16 Abr 2015 20:49

kkkkkkk, eu vou ganhar fama de lambão desse jeito..... mas eu tb gosto de arrumar tudinho de vez em quando (uma vez no ano ao menos)
Nada no mundo é mais perigoso que a ignorância sincera e a estupidez consciente
Martin Luther King Jr
Quer outra frase legal? - "... uma das coisas mais perigosas do mundo é um ignorante com inciativa....Mário Sérgio Cortella

Voltar para “Xiloficina”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes